‘Deu ruim’ : Carnaval de jornalistas da Globo acaba em porrada, delegacia e pode gerar demissão – Rádio Cidade FM

OUÇA AGORA! VEJA AGORA!

‘Deu ruim’ : Carnaval de jornalistas da Globo acaba em porrada, delegacia e pode gerar demissão

Correspondente da Globo em Nova York, Felipe Santana e o produtor Bruno Della Latta foram detidos para esclarecimentos na noite deste domingo (26/02) em Salvador, onde passa o Carnaval, após se envolver em uma briga corporal com dois policiais militares.

Segundo nota da Secretaria de Segurança Pública da Bahia, os dois jornalistas são é
acusados de desacato à autoridade.

O caso está sendo investigado.

A polícia alega que os jornalistas desrespeitaram a corporacão.

Ainda segundo relato de policiais, a confusão teria começado após Bruno Della Latta, que trabalha na produção do Fantástico e é muito amigo de Santana, ter apalpado um policial no bloco Coruja de Ivete, no circuito Osmar. O PM não gostou e respondeu com violência. Na confusão, de acordo com a polícia, Della Latta foi atingido na cabeça por um cacetete e desmaiou. Os policiais militares disseram ter levado socos, que causaram ferimentos na boca e nos braços.

Todos os envolvidos já passaram por exame de corpo de delito e agora terão de prestar depoimento.

Com um corte no supercílio, Della Latta foi encaminhado para o Hospital Aliança, onde ficou em observação até segunda (27).

Em nota, a Globo diz que Santana e Della Latta se “envolveram num incidente com a PM durante um bloco de Carnaval”.

Santana, diz a Globo, sofreu escoriações leves. Já Della Latta “recebeu chutes e golpes com cassetete”. Ele foi medicado, submetido a diversos exames e teve alta na manhã desta segunda. “Prestará depoimento em breve”, afirma a emissora, que está dando “suporte necessário” aos jornalistas e aguardando “rigorosa apuração do caso”.

Internamente, comenta-se que além de dar explicações para a Secretária de Segurança Pública, os dois jornalistas terão de se explicar na Globo e que uma confusão dessas pode custar uma suspensão ou até o emprego deles.

A emissora é rígida com relação a postura de seus jornalistas. Se realmente eles abusaram na brincadeira com policiais vão arcar com as consequências disso.

Felipe Santana se tornou correspondente da Globo em Nova York em janeiro do ano passado, assumindo a vaga que era de Renata Ceribelli. Neste ano, o jovem ganhou destaque por uma reportagem exclusiva com Eike Batista. Santana falou com o empresário durante o voo de Eike de volta ao Brasil, após ter sua prisão decretada.

Compartilhe isso:

Leia Mais

Ficção X Realidade : Frank Underwood tem o mesmo fotógrafo de Obama
Após grampo e pedido de demissão, Reinaldo Azevedo estreia novo blog e canal no YouTube
O que leva um pai a matar uma filha? Série promete desvendar mistérios de crimes famosos
Castigo? Luana Piovani volta às novelas como mãe de Caio Castro, irmã mais velha de Lília Cabral e ‘amiga’ de Carolina Dieckmann
Ana Maria Braga e Serginho Groismann renovam contrato com a Globo