FORAGIDO DA OPERAÇÃO TURBULÊNCIA É ENCONTRADO MORTO EM OLINDA – Rádio Cidade FM

OUÇA AGORA! VEJA AGORA!

FORAGIDO DA OPERAÇÃO TURBULÊNCIA É ENCONTRADO MORTO EM OLINDA

foragidoO empresário Paulo Cesar de Barros Morato foi encontrado morto na noite desta quarta-feira (22), em um motel no bairro de Ouro Preto, em Olinda, de acordo com a Polícia Federal. Morato era considerado foragido pela Polícia Federal desde a terça-feira (21), quando foi deflagrada a Operação Turbulência.

“Quem vai cuidar da investigação por enquanto é a Polícia Civil. Mas já foi designado um policial federal para acompanhar os trabalhos da perícia. Se for constatado que as circunstâncias da morte têm ligação com a Operação Turbulência, aí Polícia Federal pode entrar nas investigações”, afirmou o assessor de comunicação da Polícia Federal, Giovani Santoro.

Ainda não se sabe a causa da morte de Morato.

A advogada do empresário, Marcela Moreira Lopes, afirmou que ele já havia tentado suicídio anteriormente.

De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), Morato é o “verdadeiro responsável pela empresa Câmara & Vasconcelos Locação e Terraplanagem LTDA”. O inquérito da PF diz que, por meio dessa e outras pessoas jurídicas, Morato teria “aportado recursos para a compra da aeronave PR-AFA (que caiu com o ex-governador Eduardo Campos em 2014) e recebido recursos milionários provenientes de empresas de fachada utilizadas nos esquemas de lavagem de dinheiro, engendrados por Alberto Yousseff e Rodrigo Morales e Roberto Trombeta, além de provenientes da construtora OAS”.

Compartilhe isso:

Leia Mais

Gilmar defende que plenário do STF dê a última palavra sobre delações
Prisão de PMs reacende crise entre as polícias no Litoral catarinense
Sexta-feira tem céu encoberto e chance de chuva em algumas regiões de SC
Redução de licenças para pesca industrial da tainha afetará 700 pescadores em SC, prevê sindicato
“Grande acerto”, diz Jungmann sobre convocação das Forças Armadas