Lexa e Kamilla Fialho fazem acordo milionário e encerram processo – Rádio Cidade FM

OUÇA AGORA! VEJA AGORA!

Lexa e Kamilla Fialho fazem acordo milionário e encerram processo

<p>Lexa e Kamilla Fialho chegaram a um acordo nesta quinta-feira (19) e não vão mais precisar brigar na Justiça pelos direitos da carreira da funkeira. A assessoria de imprensa da namorada de MC Guimê divulgou um comunicado informando que os processos em curso serão encerrados. </p><p>"A negociação, que antes parecia complexa, se deu de forma tranquila e, ao que parece, após o impasse inicial, Lexa e Kamilla Fialho parecem estar satisfeitas com o final feliz para ambas as partes."</p><p>A nota, contudo, ressalta que a cantora não se arrependeu de deixar a K2L, escritório que a lançou no mercado e que abriu mão de uma bolada para tocar sua carreira adiante. </p><p>"Mesmo estando convicta das razões que a levaram a deixar a K2L, Lexa, após cumprir todos os shows agendados por seu antigo escritório, preferiu o caminho do consenso e um acordo milionário envolvendo as partes interessadas", diz o texto sem informar valores.</p><p>A assessoria de Lexa informou ainda que a funkeira está se associando aos empresários Netto Maluppy e Thiago Basso. A dupla é dona da Mallupy Entretenimento, uma das mais renomadas produtoras do país.</p><p><b>Entenda o caso</b></p><p>Kamilla Fialho entrou com um processo na Justiça para receber o direito de apropriação do nome artístico 'Lexa', alegando que agora a funkeira não pertence mais ao escritório "K2L" e não poderia mais usar o nome registrado pela empresa. </p><p>Contudo, a marca da artista - que na verdade se chama Lea Araújo - foi criada por sua mãe, como uma homenagem à apresentadora Xuxa Meneghel, de quem era fã. </p><p>Mesmo após anunciar o rompimento, Lexa foi obrigada pela Justiça a que cumprir o contrato com a empresa de sua ex-mentora. No dia 5 de fevereiro, a juíza Romanzza Roberta Neme determinou que a cantora deverá fazer os shows agendados até março, sob pena de R$ 10 mil a cada descumprimento</p>Lexa e Kamilla Fialho chegaram a um acordo nesta quinta-feira (19) e não vão mais precisar brigar na Justiça pelos direitos da carreira da funkeira. A assessoria de imprensa da namorada de MC Guimê divulgou um comunicado informando que os processos em curso serão encerrados.

“A negociação, que antes parecia complexa, se deu de forma tranquila e, ao que parece, após o impasse inicial, Lexa e Kamilla Fialho parecem estar satisfeitas com o final feliz para ambas as partes.”

A nota, contudo, ressalta que a cantora não se arrependeu de deixar a K2L, escritório que a lançou no mercado e que abriu mão de uma bolada para tocar sua carreira adiante.

“Mesmo estando convicta das razões que a levaram a deixar a K2L, Lexa, após cumprir todos os shows agendados por seu antigo escritório, preferiu o caminho do consenso e um acordo milionário envolvendo as partes interessadas”, diz o texto sem informar valores.

A assessoria de Lexa informou ainda que a funkeira está se associando aos empresários Netto Maluppy e Thiago Basso. A dupla é dona da Mallupy Entretenimento, uma das mais renomadas produtoras do país.

Entenda o caso

Kamilla Fialho entrou com um processo na Justiça para receber o direito de apropriação do nome artístico ‘Lexa’, alegando que agora a funkeira não pertence mais ao escritório “K2L” e não poderia mais usar o nome registrado pela empresa.

Contudo, a marca da artista – que na verdade se chama Lea Araújo – foi criada por sua mãe, como uma homenagem à apresentadora Xuxa Meneghel, de quem era fã.

Mesmo após anunciar o rompimento, Lexa foi obrigada pela Justiça a que cumprir o contrato com a empresa de sua ex-mentora. No dia 5 de fevereiro, a juíza Romanzza Roberta Neme determinou que a cantora deverá fazer os shows agendados até março, sob pena de R$ 10 mil a cada descumprimento

Compartilhe isso:

Leia Mais

Ficção X Realidade : Frank Underwood tem o mesmo fotógrafo de Obama
Após grampo e pedido de demissão, Reinaldo Azevedo estreia novo blog e canal no YouTube
O que leva um pai a matar uma filha? Série promete desvendar mistérios de crimes famosos
Castigo? Luana Piovani volta às novelas como mãe de Caio Castro, irmã mais velha de Lília Cabral e ‘amiga’ de Carolina Dieckmann
Ana Maria Braga e Serginho Groismann renovam contrato com a Globo