Temer diz ser provável que alguns ministros se afastem após delações da Odebrecht – Rádio Cidade FM

OUÇA AGORA! VEJA AGORA!

Temer diz ser provável que alguns ministros se afastem após delações da Odebrecht

Presidente Michel Temer
12/04/2017
REUTERS/Ueslei Marcelino

O presidente Michel Temer admitiu nesta segunda-feira (17) que é “constrangedor” ver o País envolvido na série de denúncias de corrupção das delações de executivos da Odebrecht e que alguns de seus ministros podem pedir demissão, mas reiterou que mantém a linha de corte de só afastar quem for denunciado ao Supremo Tribunal Federal.

“É muito provável que alguns ministros fiquem desconfortáveis e acreditem que não podem continuar”, disse Temer em entrevista por telefone à rádio Jovem Pan.

“Não vou demitir ou exonerar porque alguém falou de outro”.

Temer disse ainda ser “constrangedor” e “extremamente desagradável” ter sido citado nas delações da Odebrecht como tendo negociados recursos ilegais para o PMDB, por “se tratar de uma inverdade”, mas assegurou que as delações não irão “prejudicar a governabilidade”.

Compartilhe isso:

Leia Mais

Polícia Federal faz busca em gabinete do irmão de Geddel
Criminosos invadem Banco do Brasil de Tijucas, mas fogem sem levar valores
Semana começa com tempo mais firme e temperaturas amenas em SC
Florianópolis abre inscrições para 2.592 vagas de ambulantes na temporada de verão
Cuca não é mais técnico do Palmeiras